A Comunidade Intermunicipal do Ave (CIM do Ave) anunciou hoje a aprovação de um plano de apoio humanitário à Ucrânia, à escala intermunicipal, envolvendo os oito municípios, a sociedade civil, entidades públicas e privadas.

Em comunicado, a CIM do Ave indica que plano de apoio humanitário foi aprovado em reunião do Conselho Intermunicipal, realizada na quarta-feira, pelos presidentes dos oito municípios que integram esta Comunidade Intermunicipal: Cabeceiras de Basto, Fafe, Guimarães, Mondim de Basto, Póvoa de Lanhoso, Vieira do Minho, Vila Nova de Famalicão e Vizela.

Nesse sentido, foi criado um grupo de trabalho, “de forma a concertar as diversas ações, que já se encontram a ser desenvolvidas e implementadas no terreno por diversos interlocutores”.

O plano de apoio humanitário prevê “a integração e acompanhamento dos refugiados, nomeadamente das mulheres e crianças/jovens, em interligação com as escolas e as diversas entidades no setor do emprego e mercado de trabalho, envolvendo, se possível, a comunidade ucraniana residente no Ave”