Edwin Straver é a segunda vítima mortal do Dakar deste ano

Piloto holandês encontrava-se em estado crítico há uma semana, na sequência de uma queda.

A edição de 2020 do Rali Dakar conta com mais uma vítima mortal. Depois do português Paulo Gonçalves, agora morreu o piloto holandês Edwin Straver (KTM), que se encontrava em estado crítico há uma semana, na sequência de uma queda, avança a RTL.

O português Mário Patrão (KTM) foi o primeiro a parar e a chamar ajuda para auxiliar Edwin Straver e esteve junto a ele até chegar a assistência.

Edwin Straver esteve em paragem cardíaca durante dez minutos antes de ser reanimado pelos médicos da prova, que, entretanto, chegaram ao local.

O piloto holandês foi transportado em estado crítico de helicóptero para o hospital na Arábia Saudita e na quarta-feira foi transferido para a Holanda, onde acabou por não resistir aos ferimentos e morreu.