A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) indicou, este sábado, em comunicado, as subidas de Vizela e Arouca, do Campeonato de Portugal à LigaPro, sem a realização de play-off.

Recorde-se que, dos líderes das quatro séries do Campeonato de Portugal, Vizela (Série A) e Arouca (Série B) eram os que tinham mais pontos, 60 e 58, respetivamente. Os clubes que “morreram na praia” foram o Praiense (Série C, 53 pontos) e a Olhanense (Série D, 57 pontos).

Leia o comunicado na íntegra:

“A Direção da Federação Portuguesa de Futebol deu por terminadas, a 8 de abril, as provas nacionais seniores não-profissionais que organiza.

Na mesma data, decidiu que analisaria “de que forma serão indicados os dois clubes que acedem à LigaPro de futebol”.

O Decreto-Lei 18-A/2020, de 23 de abril, autorizou as federações a proceder às alterações regulamentares necessárias para dar resposta a constrangimentos causados pela emergência de saúde pública relacionada com a pandemia COVID-19.

A 24 de abril, a UEFA indicou às federações que deveriam ter em conta o mérito desportivo sempre que não fosse possível terminar em campo uma competição.

No dia 30 de abril, o Conselho de Ministros decidiu que só autorizará a realização de jogos da Liga NOS e a final da Taça de Portugal.

A FPF assinou com a Liga Portugal, a 1 de julho de 2016, um contrato que estabelece, entre outros pontos, que ascendem à II Liga dois clubes do Campeonato de Portugal, em função do mérito desportivo.

O Campeonato de Portugal é uma competição em duas fases. Na primeira, 72 clubes competem em 4 séries de 18 equipas. Os dois primeiros de cada série disputam um play-off para encontrar os dois a indicar à LigaPro.

O Campeonato de Portugal foi interrompido em março, quando faltavam disputar nove jornadas da primeira fase e todos os clubes se encontravam com o mesmo número de jogos.

Na sua página oficial o FC Vizerla ja publicou “RUMO À SEGUNDA!!!!”

http://www.fcvizela.pt/2020/05/02/rumo-a-segunda/