O centro comercial Braga Parque anunciou hoje o cancelamento da exposição “ContraNatura”, do artista italiano Giacomo Cossio, após uma onda de críticas.

Em comunicado, o Braga Parque declarou: “Após uma cuidadosa reflexão e considerando os apelos da comunidade – que tanto preza -, tomou a decisão de cancelar a exposição ‘ContraNatura’”. O shopping enfatizou sua preocupação com a opinião pública e afirmou que, apesar de inicialmente concebida como uma iniciativa em prol do ambiente, decidiu encerrar a exposição após uma reavaliação detalhada do processo.

A instalação de arte, composta por 230 plantas inteiramente revestidas em cor-de-rosa choque e azul-turquesa, gerou controvérsia desde o seu início.

Num vídeo divulgado no Instagram, a influencer Sofia Manuel, conhecida como “A Tripeirinha”, criticou a intervenção nas plantas, argumentando que a pintura impediria a fotossíntese e que a eventual limpeza resultaria em desperdício de água.

Com esta decisão, o Braga Parque responde às preocupações da comunidade e encerra um capítulo controverso que levantou questões sobre a arte e o meio ambiente.

Criada pelo artista italiano Giacomo Cossio, que expõe pela primeira vez em Portugal, esta obra pretendia “demonstrar a resistência e resiliência da natureza, com o objetivo de revelar a sua força para recuperar perante as tentativas destrutivas do Homem”.

Foto: Braga Parque

“O Braga Parque tem o maior respeito pela Natureza e pelas preocupações expressas pela comunidade. Neste sentido, o cancelamento desta exposição, com efeitos imediatos, reflete o seu compromisso em ouvir e agir em conformidade”, acrescentou o Braga Parque, no comunicado publicado hoje.

Após o cancelamento da instalação, será dado início à “preservação das plantas” com o apoio da ‘influencer’ Sofia Manuel e da empresa Arvorena, especializada na manutenção de jardins e espaços verdes. Após essa recuperação, as plantas serão doadas a instituições de Braga, como já estava previsto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here