A GNR interrompeu uma festa ilegal com cerca de 20 jovens, na madrugada desta terça-feira, na freguesia de Gondifelos, em Famalicão.

A festa ilegal decorria numa moradia arrendada para o efeito, com música em alto som, animada por um DJ, naquela localidade sita a oeste do concelho de Famalicão, quando por volta das 02:00, militares da GNR pararam com aquela atividade, tendo identificado e levantado autos de contraordenação a todos os jovens presentes.

Entretanto, em comunicado, a GNR especificou serem 19 pessoas e que a moradia tinha sido “transformada em discoteca”.

Caso voltem a ser apanhados numa situação idêntica, incorrem num crime de desobediência.

Devido ao elevado número de jovens, com idades entre 20 e 30 anos, para além de uma série de efetivos do Posto Territorial da GNR de Famalicão, foi empenhado igualmente o Destacamento de Intervenção do Comando Territorial de Braga.

O alerta para a situação foi dado pelas 00:30, tendo a GNR mobilizado para o local efetivos dos postos de Famalicão e Joane e ainda uma equipa do Destacamento de Intervenção.

Os jovens foram autuados e encaminhados para as respetivas casas, tendo a situação ficado resolvida pelas 02:30.

Portugal está em estado de emergência devido à pandemia de covid-19, vigorando a obrigação de recolhimento obrigatório.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.466.453 mortos no mundo, resultantes de mais de 111 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here