Um homem de 57 anos morreu este sábado à tarde na A7, no sentido Fafe/Guimarães, antes da saída para Vizela. Suspeita-se de que possa ter sofrido um ataque cardíaco enquanto conduzia.

O homem, natural de Ribeira de Pena, seguia ao volante e despistou-se. A mulher, que o acompanhava, ficou ferida.

Quando chegou o socorro, prestado pelos Bombeiros Voluntários de Fafe e pelo INEM, já o homem estava sem vida.

Segundo apurou o JN, o homem, que já teria sentido dores no peito durante a tarde, circulava a velocidade reduzida e poderá ter sofrido um ataque súbito que provocou o despiste.

A autópsia deverá dissipar essas dúvidas.

o comandante Paulo Ferreira, dos Bombeiros de Fafe, o homem poderá ter sofrido um ataque súbito, que terá provocado o despiste.

“A esposa disse-nos que estiveram esta tarde em passeio em Ribeira de Pena e que a vítima se tinha queixado de uma dor no peito”, indicou o responsável de comando.

Quando se deu o acidente o homem ainda estaria vivo, mas à chegada dos bombeiros já estava em paragem cardiorrespiratória, não sendo possível inverter a situação.

O trânsito esteve condicionado na faixa onde ocorreu o acidente.

O alerta foi dado cerca das 20:00 horas.

1 COMENTÁRIO

  1. Não há maneira de impedir o acesso a motas nas autoestradas??? Só em 2 dias, 2 mortes desnecessárias…😩

Comments are closed.