Jornalista disse que nesse dia a Covid-19 tinha matado mais pessoas (91) do que as estradas nacionais em 2019.

Miguel Sousa Tavares e a TVI foram arrasados nas redes sociais pela entrevista, de segunda-feira, ao líder do Chega André Ventura no ‘Jornal das 8’. “Vergonha”, “pseudo-jornalista”, “jornalixo” ou “nojo” foram alguns dos ataques ao canal e a Miguel Sousa Tavares, acusado de estar mal preparado e de não ter sido imparcial.

Antes da entrevista já o jornalista tinha cometido a gafe de dizer que nesse dia o Covid-19 tinha matado mais pessoas (91) do que as estradas nacionais em 2019, quando na verdade os números apontam para 472 vitimas mortais de acidentes rodoviários no ano passado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here