O SC Braga inaugurou uma nova loja oficial no Braga Parque, esta segunda-feira. Uma loja maior e com mais serviços agora situada no piso 2 do centro comercial.

Na inauguração da loja estiveram presentes o presidente do SC Braga, António Salvador, assim como vários jogadores dos planteis principais masculino e feminino, como Matheus Magalhães, André Horta, Ricardo Horta, Dolores Silva e Andreia Norton, que interagiram com os adeptos presentes.

À margem da inauguração do novo espaço, António Salvador, admitiu que o “momento menos bom” da equipa de futebol, mas salientou que Carlos Carvalhal será o treinador até ao final da época.

Os bracarenses apenas venceram por uma vez nas cinco últimas jornadas da I Liga, mais quatro empates, o último dos quais no domingo, em casa, diante do Boavista (2-2), resultado que os atirou para a sexta posição.

“Não podemos negar que não temos estado bem. Temos que melhorar, mas é necessário estarmos todos juntos, trabalhar mais, estarmos mais unidos. É um momento não muito bom para a equipa, mas os jogadores têm dado tudo, têm-se esforçado, mas a sorte não tem estado connosco. É verdade que a sorte tem que ser procurada dentro do campo, mas temos um grupo de jogadores fantástico, uma grande equipa técnica e um grupo unido”, disse à margem da inauguração de uma loja do clube num centro comercial da cidade.

O dirigente admitiu: este é um momento menos bom: temos que assumir que não estamos no lugar que queríamos estar, mas acredito piamente que vamos chegar ao fim no nosso lugar.”

O líder ‘arsenalista’ vincou que continua a ter total confiança no treinador.

“Isso nem é assunto que se põe. O ‘mister’ Carvalhal é o treinador que vai acabar a época no Sporting de Braga. Temos que estar fortes e unidos, com a nossa massa adepta, que tem sido fantástica mesmo com a equipa a não ganhar, temos tido um apoio excecional e peço aos sócios e adeptos que apoiem estes jogadores e esta equipa técnica, porque ainda vamos fazer coisas muito boas e muito importantes este ano”, disse.

O dirigente referiu já ter conversado com o grupo e revelou mesmo não ter dormido de domingo para segunda-feira.

“Vocês viram a frustração dos jogadores no final por não terem conseguido ganhar, mas eles deram tudo. Eu próprio não dormi toda a noite. Temos que trabalhar e esta paragem vai fazer-nos bem, vamos conversar e vamos arrancar para a Taça de Portugal mais fortes ainda para podermos ultrapassar esta fase menos boa”, disse.

Sobre o regresso às vitórias na Liga Europa, diante do Midtjylland (3-1), na quinta-feira, depois do desaire na primeira jornada do grupo F frente ao Estrela Vermelha (2-1), frisou que o “objetivo claro é ficar no primeiro lugar do grupo”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here