Braga defronta Sheriff que meteu Real Madrid na ordem. Moldavos brilharam na Champions mas perderam estrelas

O SC Braga é a primeira equipa portuguesa a entrar em ação no play-off de acesso aos oitavos de final da Liga Europa. Os arsenalistas defrontam os moldavos do Sheriff Tiraspol esta quinta-feira, num encontro onde os minhotos vão tentar um bom resultado que os permite carimbar a passagem à próxima fase em casa.

A equipa treinada por Carlos Carvalhal apresenta-se com mais argumentos, nomeadamente a experiência, já que está em fases a eliminar da Liga Europa, pós fase de grupos, pela quinta vez nos últimos sete anos. Nas derradeiras três presenças nos então 16 avos de final, os ‘arsenalistas’ foram afastados, mas por Marselha (2016/17), Rangers (2019/20) e Roma (2020/21).

O último apuramento para os ‘oitavos’ data de 2015/16, época em que o Sporting de Braga eliminou Sion e Fenerbahçe, para atingir os quartos de final, nos quais foi afastado pelos ucranianos do Shakhtar Donetsk. Melhor só a final em 2010/11.

Para o encontro da primeira mão, os ‘arsenalistas’ têm uma baixa por castigo (Diogo Leito) – sendo que um amarelo retira Castro e Al Musrati da segunda -, enquanto os moldavos contam com duas (Edmund Addo e Gustavo Dulanto).

Yuruy Verydub, treinador do Sheriff, sabe como afastar o Braga das provas da UEFA. Quando era treinador do Zorya, em 2018/19, o técnico de 55 amnos eliminou a equipa portuguesa, então orientada por Abel Ferreira, na terceira pré-eliminatória da Liga Europa, com empates na Ucrânia (1-1) e em Braga (2-2).

O Sheriff que colocou Madrid na ordem já não é mesmo

Este Sheriff já meteu o Real Madrid na ordem em pleno Santiago Bernabéu, quando venceu os merengues por 2-1, num dos resultados mais improváveis de sempre da Liga dos Campeões desta época.