O avançado Jota Silva foi o porta-voz da ambição da comitiva do Vitória para o encontro da 1.ª mão da 3.ª pré-eliminatória da Liga Europa, em Split, na Croácia. À chegada ao Aeroporto Francisco Sá Carneiro, o avançado abordou o encontro com o Hajduk, mas também falou sobre outros temas.

Qual é a ambição do Vitória para a 3.ª pré-eliminatória da Liga Conferência Europa?: “A nossa ambição é sempre de passar a eliminatória. Estamos focados para isso. Vai see um jogo complicado, mas vamos trabalhar para passar a eliminatória”.

O que seria para o Vitória um bom resultado na Croácia?: “Vamos sempre à procura da vitória, por isso para nós um bom resultado é uma vitória. Temos de jogar bem, fazer um bom jogo. Vamos atrás desse resultado”.

Há algum favorito na sua opinião?: “O favoritismo tem de ser provado dentro do campo. Temos de fazer o nosso trabalho, ser humildes, trabalhadores, comprometidos com o processo. Vamos levar a eliminatória a bom porto”.

Como é que o grupo encarou a preparação atribulada, com a mudança e treinador?: “Não compete ao grupo falar sobre a mudança de treinador. Acho que reagimos muito bem a tudo. Estamos com o mister em tudo. Estamos focados em dar o melhor pelo Vitória”.

Como se tem sentido nestas primeiras semanas?: “Tem corrido tudo muito bem desde a minha chegada ao Vitória. Receberam-me todos muito bem e este início de época está a ser muito boa, não só do ponto de vista individual, mas também colectivo. Já passamos uma eliminatória e vamos à procura da próxima”.

Sente-se um jogador importante e acarinhado?: “Sinto-me acarinhado pelo grupo, por todas as pessoas. Vou dar sempre o melhor de mim, dar o meu máximo. É assim que as pessoas me vão ver ao longo da época”.

Como olham para a etapa seguinte, com o Villarreal como adversário?: “Não olhamos para essa eliminatória. Não faz sentido olhar para outro jogo que não seja o de quinta-feira”.

O que esperam do ambiente em Split?: “Jogamos no Estádio D. Afonso Henriques, com os nossos adeptos, que são incríveis. Desta maneira, estamos preparados para jogar em qualquer estádio”.

Acha que o Borevkovic, que jogou no Vitória, tem alguma vantagem para esta eliminatória ao passar as informações que tem?: “Não pensamos nisso. Estamos focados em fazer bem o nosso trabalho e em passar a eliminatória”.

Como definiria o Hajduk Split?: “É uma equipa muito complicada, com nome na Croácia. Vai ser um jogo exigente, mas estamos preparados para isso. É uma equipa que tem valor em todos os sectores. Somos o Vitória e vamos à procura de um grande resultado, de vencer o jogo. Estamos focados em nós”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here