Braga recebe 25 milhões se ganhar título de Capital Europeia da Cultura 2027

A verba disponível para a Capital Europeia da Cultura 2027, à qual dez cidades portuguesas já manifestaram intenção de se candidatar, é de 25 de milhões de euros, anunciou hoje o Ministério da Cultura.

A verba disponível para a candidatura vencedora da Capital Europeia da Cultura 2027 “será de 25 milhões de euros”, disse hoje a ministra da Cultura, numa reunião com representantes das dez cidades que manifestaram interesse em candidatarem-se, segundo um comunicado hoje divulgado.

Aveiro, Braga, Coimbra, Évora, Faro, Funchal, Leiria, Guarda, Oeiras e Viana do Castelo são as cidades que já manifestaram intenção em serem Capital Europeia da Cultura 2027, que decorrerá em simultâneo em Portugal e na Letónia.

Apesar de algumas destas cidades já terem divulgado detalhes dos seus planos estratégicos, nenhuma candidatura foi apresentada, porque o procedimento formal ainda não foi aberto.

Segundo o Ministério da Cultura, “a escolha da cidade vencedora será feita por um júri composto por dez peritos independentes, nomeados por instituições europeias, e para o qual Portugal escolherá dois elementos entre janeiro e junho do próximo ano”.

A vencedora será anunciada em 2023.

De acordo com a tutela, a reunião de hoje foi a segunda com as cidades candidatas já conhecidas, “para troca de informações sobre o decorrer dos trabalhos relativos ao processo de preparação das candidaturas, cuja abertura oficial será no mês de novembro”.

No passado, Portugal recebeu o título de Capital Europeia da Cultura três vezes, pela cidade de Lisboa, em 1994, do Porto, em 2001, e de Guimarães, em 2012.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here