Gouveia e Melo: “Equipa da task force pressionou-me a tomar vacina para não dar um mau exemplo”

“Se eu fosse esmagado pelo sentimento de responsabilidade, já estava esmagado há muito tempo. Estamos focados no processo. Todos os dias pergunto a mim mesmo o que posso fazer de melhor. Estou convencido pelos resultados de que temos feito alguma coisa positiva”

“Reserva estratégica é quantidade de vacinas que nos permite acelerar no momento certo. Usámos o acelerador no momento certo, agora já não conseguimos. Agora estamos a tentar conseguir encontrar mais vacinas disponíveis junto dos nossos parceiros europeus”

“Vacinas da AstraZeneca estão a ser do plano e temos algumas reservas para os recuperados. Agora temos vacinas acumuladas, mas muitas delas chegaram desfasadas no tempo”

“Fui vacinado depois da faixa dos 60 anos ser vacinada. Não quis ser vacinado quando os militares foram vacinados nem quando a minha faixa etária foi vacinada, mas a equipa da task force pressionou-me a tomar vacina para não dar um mau exemplo e eu cedi”

“Não temos nenhum sintoma de que haja uma recusa forte da vacinação”

“Ninguém em Portugal vai escapar a este vírus. A única forma de nos protegermos de forma científica e inteligente é vacinar-nos”