As autoridades de Valença e Cerveira emitiram um alerta devido aos fumos tóxicos provenientes da Galiza. O fenómeno está a gerar preocupação nas duas localidades portuguesas, situadas na fronteira com Espanha.

Os fumos, provenientes de um incêndio na região galega, estão a causar desconforto e alarme entre os residentes, levando as autoridades locais a recomendarem medidas de precaução.

As equipas de proteção civil estão em alerta máximo, monitorizando de perto a situação e aconselhando a população a evitar a exposição prolongada aos fumos, especialmente aqueles que sofrem de problemas respiratórios.

Um incêndio na localidade de Tomiño, na Galiza, está a gerar preocupações nos concelhos vizinhos de Valença e Cerveira, no Alto Minho. As autoridades locais emitiram alertas através das redes sociais devido à influência deste incêndio na qualidade do ar nessas áreas.

O fogo está a consumir uma empresa de produtos hortícolas, onde se encontram presentes fertilizantes químicos, incluindo adubos com um elevado teor nocivo. A Câmara Municipal de Valença alertou os residentes para evitarem a exposição aos fumos provenientes do incêndio, que podem chegar ao concelho.

“A situação envolve um incêndio que está a consumir produtos químicos, especialmente adubos, com elevado potencial nocivo. Recomendamos evitar a exposição ao fumo, fechando as janelas e entradas de ar. Em caso de sintomas respiratórios, ligue para o 112”, comunicou a autarquia.

A Câmara Municipal de Cerveira também emitiu recomendações semelhantes, pedindo aos seus habitantes que mantenham as janelas e portas fechadas e evitem sair para o exterior desnecessariamente nas próximas horas. Este alerta visa proteger a população face à possível contaminação do ar provocada pelo incêndio em curso na Galiza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here