Tragédia nas Cheias: Empresário arrastado pela corrente Deixa Mensagem Emocionante à Filha Antes de Falecer

Um empresário, vítima das cheias que assolaram a cidade de Sinimbu, no estado brasileiro do Rio Grande do Sul, encontrou forças para enviar uma mensagem de áudio comovente à sua filha de 12 anos, pedindo-lhe para cuidar da mãe. Carlos Wolfart, de 41 anos, foi uma das primeiras vítimas fatais dessa catástrofe, que já ceifou pelo menos 136 vidas, deixou 141 desaparecidos e levou ao desalojamento de 441 mil pessoas.

“Filha, cuida da mãe, tá? E reza por mim. Só por sorte, o rio está subindo muito, só por Deus”, foram as últimas palavras do empresário antes de ser arrastado pelas águas revoltas que transbordaram do rio próximo à casa de campo onde a família se hospedava, vinda do estado vizinho de Santa Catarina.

Quando as águas subiram abruptamente, cada membro da família tentou proteger-se como pôde: alguns subiram ao telhado, enquanto Carlos, que estava fora de casa, refugiou-se numa árvore. Ele acreditava que a correnteza não alcançaria o topo da árvore, mas a força das águas foi avassaladora, arrancando a árvore pela raiz e levando consigo o empresário.

Os restantes membros da família, que estavam em Sinimbu para o casamento de um cunhado, foram resgatados horas depois por helicóptero, mas Carlos não teve a mesma sorte. O noivo, cunhado de Carlos, mobilizou amigos com motos aquáticas numa busca desesperada, mas o corpo do empresário só foi encontrado uma semana depois, longe do local do incidente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here