A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Setúbal, localizou, identificou e deteve, em flagrante delito, um homem, de 37 anos, por sobre ele recaírem fortes suspeitas da prática do crime agravado de pornografia de menores.

Em comunicado, a PJ refere que a investigação efetuada permitiu apurar que o detido tinha em seu poder centenas de ficheiros multimédia – imagem e vídeo – de crianças em práticas sexuais explícitas, os quais eram igualmente partilhados através de redes sociais.

O detido vai ser presente primeiro interrogatório judicial, no qual será sujeito à aplicação das medidas de coação processual consideradas adequadas.

Ainda esta terça-feira foi noticiado que a Linha Internet Segura registou em 2019 um total de 701 denúncias relacionadas com a deteção de conteúdos de pornografia infantil e discriminação racial.  Dados conhecidos no Dia da Internet Mais Segura, data assinalada em 150 países. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here